20.10.14

desabrochar


fui botão.
verteste-me em flor...

pétala por pétala
fostes abrindo um caminho
que, até então, eu desconhecia.

e de um inverno 
fizeste o verão.

acordaste o sol
onde dormia a lua
e encheste de carmim
a palidez da pele nua.

crua,
presenteei teu corpo
e impregnei tua alma 
com o odor único do  
desabrochar.

http://signatures.mylivesignature.com/54487/268/80AC6A36AB8CBD4A113EBCA8EF4E6AC0.png

2 comentários:

Deixe-me, aqui, uma gota de ti...
Deixe-me o sonhar, o desejo...
Divida comigo teu sentir...