31.8.08

Doce Malícia

A noite chega...
a cama sente tua ausência.
Nos lençois,
o cheiro da tua pele
impregna meu ar,
me instiga a volúpia
meu corpo clama o teu!
*
Fecho os olhos
e, no meu devaneio,
exalando calor e desejos
sinto o teu corpo em mim.
*
É neste instante
que minhas mãos são as tuas,
ausentes...
me percorrem caminhos
já explorados
com toques e carícias,
numa doce malícia
me levando ao êxtase intenso...
solitário...
*
Abro os olhos...
não te vejo...
Viro pro lado,relaxo...
adormeço...
*
By Nany

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe-me, aqui, uma gota de ti...
Deixe-me o sonhar, o desejo...
Divida comigo teu sentir...