28.12.07

Volúpia

Sei que está em ti
Tudo que o meu coração procura
Uma tentação, tal qual a de fruta madura,
Uma cobiça, não dá para resistir!
Pode até parecer desatino, algo assim
Que eu não mereça
Mas juro, dos pés à cabeça
Te desejo, te quero assim!
Vivo sonhando com suspiros, gemidos...
Com amor, com libido...
Imaginando o roçar de nossos corpos e bocas
Minhas mãos a te acariciar...
Não vejo a hora de te abraçar, de te beijar
Viver contigo uma volúpia louca!
*
*
W.P.P.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe-me, aqui, uma gota de ti...
Deixe-me o sonhar, o desejo...
Divida comigo teu sentir...